Plus500

4.11.09

Senso de realidade

Por mais sinais de recuperação que a economia mundial venha demonstrando, e, por outro lado surjam alertas de que o cenário não está assim tão promissor, além da habitual briga entre touros e ursos no mercado, agora tem muita gente se degladiando pelo foco dos holofotes: alguns com mensagens otimistas (desconsidere o caso do nosso governo, ufanista, tendencioso e parcial, sempre interessado nos frutos políticos para as próximas eleições) e outros mais pessimistas. Eu ainda prefiro ficar ao lado dos realistas!

Mas qual é a realidade, se a percepção do cenário pode variar conforme o observador? Se uma única verdade existe, por quanto tempo ela pode durar em um mundo (e mercado) em constante transformação?

São analistas renomados, estrangeiros, outros tupiniquins, que podem ser ligados a corretoras, gestão de fundos, ou até provedores de serviços... cada um tende a puxar a brasa para o seu churrasco. Há quem goste de carne mal passada, tem gente que quer ao ponto, e outros esperam a picanha torrar.

Fazendo uma analogia às bolsas, apressado come cru, entra antes e ode até queimar a língua; se deixar a carne passar demais ela pode ficar dura e imprestável ao bom paladar. O ponto é agora!

Tudo que fizermos neste momento será decisivo na hora de colher os resultados futuros. O passado já passou, precisamos ajustar o foco para a frente.

Mas acertar não é difícil... o problema é estimar quando isso iria ocorrer, uma vez que lidamos com mercado, e o timing é fundamental para o sucesso das estratégias. Novamente, torno a dizer, existe uma diferença entre objetivo e meta. Se alguém diz que o Ibovespa vai a 15 ou 200 mil pontos, não signifca muito, seria importante estimar para quando isto ocorreria.

Acho estes relatórios muito vagos...

E o Roubini vai fazendo escola e oponentes... eu concordo com muito, embora ele não precise quando isto deve acontecer.

Quanto maior a bolha atual, maior será o inevitável estouro

Folha de S. Paulo - 03/11/2009

"Para o economista Nouriel Roubini, juros negativos nos EUA e dólar fraco geram "mãe" de todos os "carry trades" e bolha global cujo estouro é inevitável."

A conta do socorro à crise ainda não foi paga. Um dia vem a cobrança, e aí eles acertam suas previsões.

Outro dia o Citi emite uma recomendação de compra em determinado ativo com preço-alvo para os próximos 12 meses... agora Jim Rogers diz que o ouro vai dobrar de valor em 10 anos... e até lá o que vai acontecer? Se já não é simples fazer projeções para daqui a 6 meses, como enxergar tão longe?

O que vcs acham disso? Alguém ainda arrisca um palpite?

Eu diria que hoje as bolsas estão abrindo para cima, e têm grandes chances de devolver os ganhos até o final da sessão. Mas o que eu penso não vale nada, o que pode representar alguma coisa é o que estou fazendo e farei durante o pregão. Posso errar ou acertar, o resultado final do dia é que dará o veredito. Opiniões não custam nada, já as boletas sim!

Bons trades! ^v^

4 comentários:

austral33 disse...

pois é Seagull. Nos ultimos dias
sairam relatórios para todos os
gostos. A gente fica meio perdido,
afinal quem escreve tem referencias (boas e ruins_hehehe)
Como Vc sempre tem dito: o problema é acertar o timing...
acertar o timing...

Penn disse...

To achando que a bolsa americana (DOW) vai cair muito e provavlemente fazer uma mínima nova (abaixo de 6500), o Bovespa deve cair muito tb, quem sabe até abaixo de 29mil pts...

O que vc acha meu guru?

Seagull disse...

Fala Penn,

Eu já estou com a minha violinha no saco... aos 67k eu zerei 80% da posição e entrei firme no ouro aqui mesmo pela BMF(na faixa de R$58/g). Agora as barras estão custodiadas na Bovespa para servir de margem nas opções, e os CDBs ficaram para dar cobertura na venda do índice futuro.

Só não comecei ainda a lançar contratos, uma vez que a volatilidade aumentou, mas continuam segurando o mercado lá fora com os incentivos ( juros baixos permanecem nos EUA).
Na hora que soltarem a franga eles vão direto do risco de deflação para uma inflação galopante. Aí eu quero ver a renda variável sustentar. E aqui os estrangeiros continuam comprando, mas diminuiram muito o volume de entrada com esse IOF e já até começaram a se reposicionar. Como estavam carregados, precisam segurar nestes níveis elevados para poderem reverter todos seus lotes. Vamos ver...

Meu irmão chegou a comentar comigo seus estudos na prata. Por onde vc opera as commodities? Tem algum banco ou corretora gringa de sua confiança?

Sou muito reservado com esses negócios, inclusive Forex.

Vamos nos falando aí...

Entra lá no meu site ... tem um fórum de debates com uma turma bem bacana participando.

http://www.monitorinvestimentos.com.br/

Abração

Seagull disse...

Austral,

o importante é seguir pela sua cabeça. Pelo menos assim, os lucros serão por mérito seu, e caso alguma coisa não funcione nas estratégias não precisa ficar cobrando de supostos culpados.

A responsabilidade é de cada um, dos próprios donos do dinheiro! ;-)

Abs ^v^